sexta-feira, 11 de agosto de 2017

A LUZ DO VERÅO






Luz parda,
Densa,
Partículas flutuam no ar.
Desfocam - não totalmente - 
Os contornos precisos,sérios
De objectos e seres.

Parece um sonho,
Uma meta-realidade.
O que são os sonhos.

Os dias que se assumem assim,
Que provocam arrebatamentos de bem-estar
São os melhores dias do verão.

Opacos, amarelados, quentes, fora do tempo,

De nós,

Somos nós.


Sem comentários:

Enviar um comentário